Senador-Jean-Paul-Prates

Banco Mundial destaca integração do Governo do RN em prol de investimentos no Estado

Após uma semana inteira dedicada à análise dos investimentos realizados pelo Governo do Rio Grande do Norte por meio do Projeto Governo Cidadão, chegou ao fim nesta sexta-feira, 07, a primeira Missão do Banco Mundial ocorrida após a prorrogação do acordo do empréstimo firmado entre a instituição financeira e o Poder Executivo Estadual. 

O evento começou na última segunda-feira, 03, e também teve a função de promover orientação técnica às equipes envolvidas, contribuindo para um melhor desempenho das ações implantadas.

A governadora Fátima Bezerra e o vice-governador, Antenor Roberto, participaram da reunião virtual de encerramento do evento, ao lado de praticamente todo o secretariado estadual. Na ocasião, foram relatados os principais avanços obtidos pelo Projeto como a retomada da obra do Hospital da Mulher e os investimentos já consolidados na área da Segurança Pública.
“Uma das maiores conquistas deste governo foi conseguir prorrogar o prazo de vigência do empréstimo para possibilitar melhorias na vida das pessoas”, reconheceu a governadora. ”Temos o desafio de terminar o Hospital da Mulher até 2022 e, em breve, a satisfação de entregar equipamentos estruturantes como a Estrada da Produção. Vamos deixar um legado de cidadania e dignidade para o povo potiguar, cumprindo os prazos estabelecidos. Estamos olhando o calendário todos os dias!”, completou, reafirmando o compromisso do Estado junto ao Banco Mundial.

INTEGRAÇÃO

Fátima Amazonas, gerente do Governo Cidadão junto ao Banco Mundial, principal representante da instituição financeira na Missão, elogiou o esforço das equipes da Unidade Gestora do Projeto (UGP) e das Unidades Executoras Setoriais (UES) – estas, ligadas às secretarias estaduais. “Temos que fazer uma reunião específica somente para apresentar os bons resultados. Este projeto desafiador está fazendo e fará, ainda mais, diferença para o Estado do Rio Grande do Norte. E a integração de todas as áreas do governo neste projeto estadual está sendo essencial”, revelou.

Coordenador da Missão por parte do Governo, o secretário Fernando Mineiro (Gestão de Projetos e Metas), gestor do Governo Cidadão, reconheceu que “a união de esforços em todas as secretarias foi priorizada para resolver entraves e dar andamento a investimentos tão importantes. E este avanço se deve à orientação da governadora”.

PRESTAÇÃO DE CONTAS

O Governo Cidadão disponibilizou nesta sexta-feira a versão online de uma revista contendo o balanço de realizações dos anos de 2019 e 2020 e uma previsão de investimentos para o período restante do Projeto, cuja data final foi prorrogada para dezembro de 2022. A área da Saúde concentra a maior parte dos recursos do empréstimo com o Banco Mundial: mais de R$ 130 milhões a serem executados até dezembro de 2022.

Em 2019 e 2020, o Governo do Estado executou R$ 341,4 milhões em obras, aquisição de bens, contratação de serviços, consultorias e treinamentos por meio do Projeto Governo Cidadão.

Ao final da vigência do Projeto Governo Cidadão, US$ 360 milhões terão sido aplicados no desenvolvimento sustentável, em áreas diversas, desde a assinatura do acordo de empréstimo com o Banco Mundial, em 2014. Até dezembro de 2022, há US$ 85 milhões a serem usados em prol do desenvolvimento sustentável do RN.

O projeto Governo Cidadão é auditado de forma permanente. Cabe à Coordenadoria de Auditoria de Operações de Crédito Externo COPCEX, criada por intermédio da Resolução nº 024/2018-GP/TCE, publicada no Diário Eletrônico do TCE/RN em 14 de agosto de 2018, a tarefa de realizar os trabalhos e conduzir os processos de Auditoria Independente do empréstimo.

Além do secretariado estadual, participaram do evento membros da UGP e gerentes da UES. Representando o Banco Mundial também estavam a oficial de operações para o Brasil, Tania Lettieri; o coordenador de Desenvolvimento Sustentável, Renato Nardello; os especialistas Juliana Paiva, Kátia Medeiros, Carlos Lamas, Maria Inês, Fátima Alves, André Loureiro, Daniela Pena, Ezaú Pontes, Daniel Ortega, Luís Dias, Luís Loyola, Sinuê Aliram, Augusto Mendonça, Paula Freitas, Leonardo Nascimento e Patrícia Melo.

Pelo Governo Federal, participaram as representantes da Secretaria de Assuntos Internacionais do Ministério da Economia (SAIN), Isis Rezende e Lilia Cavalcanti.

O Governo Cidadão é um Projeto multisetorial integrado que tem como meta contribuir para elevar o cenário socioeconômico potiguar via acordo de empréstimo de recursos com o Banco Mundial.Foto:Elisa Elsie

Comentários