Pular para o conteúdo principal

Aos 84 anos, morre o ator francês Claude Brasseur

O ator francês Claude Brasseur, que participou em mais de 100 filmes ao longo de décadas e protagonizou 'O Fio do Horizonte', de Fernando Lopes, morreu nesta terça-feira (22) aos 84 anos, disse o seu agente à AFP. 

"Claude Brasseur morreu em paz e serenidade rodeado pela sua família. Ele não foi vítima da Covid. Claude Brasseur será enterrado em Paris, de acordo com as regras sanitárias e irá descansar ao lado de seu pai [o ator Pierre Brasseur], no cemitério Père-Lachaise", disse Elisabeth Tanner, da agência Time Art.
Proveniente de uma família de atores, filho de Pierre Brasseur e Odette Joyeux, e pai de Alexandre, este ator, refere a AFP, com o olhar vivo e o sorriso que o tornava imediatamente simpático, era popular e versátil, à vontade tanto em filmes policiais como de comédia.

Em 1977, recebeu o César de Melhor Ator Secundário pelo seu desempenho na comédia 'As Belas Mulheres dos Outros', e três anos depois, o César de Melhor Ator por 'Guerra entre Polícias'. 

Em mais de 60 anos de carreira, Brasseur participou em mais de 110 filmes, e permanecerá sempre associado ao pai de Sophie Marceau em "La Boum", filme de culto dos anos 1980.

A sua filmografia atravessa gerações do cinema francês, tendo integrado o elenco de filmes como 'Olhos Sem Rosto', de Georges Franju, ao lado do pai, Pierre, 'Uma Mulher sem Freio', de Roger Vadim, 'Escândalo de Primeira Página', de André Téchiné, para além de trabalhos da 'Nova Vaga' francesa como 'Bando à Parte', de Jean-Luc Godard, e 'Uma Bela Rapariga', de François Truffaut.

O ator manteve-se em atividade até ao século XXI, tendo por crédito mais recente "Assim não vais longe", de 2018.  Com informações de Notícias Ao Minuto Brasil/Foto:Getty Images

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em ato inédito, Governo do RN distribui sementes crioulas para agricultores familiares

Casada, mãe de três filhos, Ana Maria da Silva Gomes, 52, é agricultora, guardiã de sementes, pescadora e cabeleireira da comunidade Assentamento Professor Maurício de Oliveira, na cidade de Assu, região Oeste do Rio Grande do Norte.  Ela representa uma das três mil famílias beneficiadas pelo Programa Estadual de Sementes Crioulas - as sementes da tradição - que pela primeira vez estão sendo doadas pelo governo estadual para agricultores familiares.  A primeira etapa de distribuição, realizada através da Secretaria de Estado da Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Rural (Sedraf), ocorreu nesta sexta-feira (31), no auditório da Ufersa (Universidade Federal Rural do Semiárido), em Mossoró, onde foram entregues sementes de milho, feijão, sorgo, castanha de caju, fava e arroz vermelho. Os tipos de sementes foram definidos pelos próprios agricultores porque são as mais utilizadas pela maioria dos contemplados, cuja tradição é passada de geração a geração. Para execução do

Governo do RN garante cumprimento do piso salarial do magistério

O Governo do Estado, através da governadora professora Fátima Bezerra e do secretário de estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer (SEEC-RN), professor Getúlio Marques, assegura o cumprimento do Piso Nacional do Magistério. Em janeiro de 2020, o Ministério da Educação (MEC) anunciou reajuste de 12,84%. O salário dos profissionais da rede pública da educação básica em início de carreira passará de R$ 2.557,74 para R$ 2.886,24. “Nós continuamos abertos ao diálogo com o sindicato, garantindo não somente o reajuste, como também o pagamento retroativo”, afirmou o secretário. Ele explicou que o percentual proposto pelo MEC está acima da previsão da receita do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação), que financia a rede básica de Educação. Em 2019, o Governo do Estado recebeu R$ 902 milhões e a previsão para este ano é de R$ 926 milhões, ou seja, menos de 3% de aumento. Mesmo diante desse déficit

Claudia Rodrigues sofre convulsão e é encaminhada para a UTI

A  atriz Claudia Rodrigues sofreu uma queda onde acabou tendo uma convulsão na sequência e foi levada para o Hospital Alberto Einstein, em São Paulo, onde acabou sendo internada na Unidade de Terapia Intensiva. De acordo com informações da colunista Fábia Oliveira, do jornal 'O Dia', diagnosticada com esclerose múltipla e com diminuição de parte da massa encefálica, a atriz desenvolveu um edema cerebral, por conta da queda, descoberto pelos médicos nesta quinta-feira (30).  Procurada, a assessoria do hospital confirmou a internação da atriz. Os representantes de Claudia, no entanto, ainda não se pronunciaram oficialmente sobre a nova internação.  No mês de dezembro, a artista foi internada na mesma unidade para tratamento contra a doença degenerativa.Com informações de Notícias Ao Minuto Brasil/Foto:Divulgação