"A cultura é vista como algo desnecessário. Isso é muito triste" diz Claudia Raia - Salomão Medeiros
TCM HD

quarta-feira, 7 de outubro de 2020

"A cultura é vista como algo desnecessário. Isso é muito triste" diz Claudia Raia

Foi em conversa com Celio Ashcar Jr., no programa 'Fala Celio!',transmitido pelo YouTube, que Cláudia Raia comentou vários temas, entre eles a cultura no Brasil. 

"Todas as vezes que nós esperamos alguma atitude do governo, ela não veio! Eu acho que a cultura é vista como algo desnecessário. Isso é muito triste! A cultura anda de mãos dadas com a educação, e são dois pilares, os mais importantes para uma criança e para nós mudarmos completamente o nosso país", destacou a atriz, como cita a revista Quem.
A atriz não escondeu a sua revolta: "O Brasil é um país extremamente machista, é um machismo estrutural, ou seja, quando a mulher para de ovular, ela parece que deixa de existir. É como se ela tivesse uma data de validade, caísse num limbo, um buraco negro e só vai ressurgir aos 80 como a vovó fofa". 

"Nesse mundo, essa mulher acima de 50 anos não tem direito a nada, não pode se vestir como quer, não pode ter um namorado. Agora é engraçado como é que o mercado não vê essa mulher com uma potência, porque, na verdade, o poder aquisitivo dessa mulher é o maior de todos, pois ela já fez na sua carreira, já criou os seus filhos e tem um poder de compra", acrescentou. 

Prestes há completar 54 anos, Cláudia Raia afirma que ainda tem "sonhos pela frente, muito projetos". "E não vou deixar que ninguém me diga que o meu tempo venceu, porque não venceu. Estou na plena maturidade, em plena energia e de criatividade e é isso que tento colocar como porta-voz dessa mulher", concluiu.Com informações de Notícias Ao Minuto Brasil/Foto:Reprodução Instagram

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários,e não representam a opinião deste blog.

publicidade