Vale do Açu e Seridó voltam a registrar queda de contaminação pela Covid-19 - Salomão Medeiros
TCM HD

terça-feira, 25 de agosto de 2020

Vale do Açu e Seridó voltam a registrar queda de contaminação pela Covid-19

As regiões do Vale do Açu e do Seridó Potiguar voltaram a registrar tendência de queda no registro de contaminação pelo novo coronavírus. As duas regiões do Rio Grande do Norte eram as únicas que estavam fora da curva descendente do estado em novos casos de óbitos causados pela Covid-19.

Os dados foram detalhados em coletiva de imprensa realizada pelo Governo do Estado e pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) nesta terça-feira (25). Segundo a subcoordenadora de vigilância epidemiológica da Sesap, Alessandra Lucchesi, a situação no Seridó e no Vale do Açu segue sendo acompanhada de perto.

"Permanecemos observando a situação não só nessas regiões, mas em todo o estado. As semanas recentes apontam uma tendência de queda, que só poderá ser confirmada nos próximos 15 dias. De toda forma, ainda é preciso manter a vigilância em todo o estado", explicou Lucchesi.
Para que a curva epidemiológica nestas regiões e em todo o estado permaneça em queda, a subcoordenadora pontuou a necessidade do cumprimento das medidas de segurança sanitária, principalmente neste momento de aumento da circulação de pessoas. "A nossa preocupação é permanente, mesmo agora com todas as regiões em queda. Para que curva não sofra alteração mantemos o trabalho conjunto entre as secretarias de Governo e seguimos à disposição dos municípios", completou ela.

Entre as medidas coordenadas pela Sesap para manter a epidemia sob constante vigilância está a ampliação da testagem, tanto com a política de aumento no público-alvo dos exames RT-PCR, voltado para quem está até no 7° dia de sintomas, e na aquisição de 150 mil testes sorológicos, com foco em categorias de trabalhadores com maior risco de exposição ao novo coronavírus, que serão feitos nos próximos três meses. 

AULAS: O Comitê Científico que assessora o Governo do Estado e a Sesap emitiu um parecer recomendando que a data de retorno às aulas no RN seja revisada no fim deste mês.

Observando mais de dez tipos de dados relacionados à pandemia no estado, o Comitê aferiu que ainda é preciso aguardar uma melhora mais sustentada nos indicadores para garantir a autorização das aulas presenciais nas redes de ensino, previstas para setembro. 

DADOS: O RN, segundo os dados epidemiológicos apurados pela Sesap na manhã desta terça, chegou aos 60.161 casos confirmados. Outras 24.893 pessoas seguem o como suspeitos de contaminação pelo novo coronavírus, enquanto 106.781 foram descartados. 

A Covid-19 vitimou 2.192 pessoas no estado, sendo quatro nas últimas 24h. E mais 235 óbitos estão em investigação.

No levantamento feito às 11h, a Sesap registrava 305 pessoas internadas, entre casos confirmados e suspeitos de Covid-19, nas redes pública e privada do RN, sendo 130 em leitos críticos e 175 em leitos clínicos.

A ocupação média registrada nas UTIs da rede pública era de 52%, sendo 80% no Alto Oeste, 60% no Seridó, 51% no Oeste/Vale do Açu, 42,6% na Região Metropolitana e 25% no Mato Grande. As regiões do Potengi-Trairi e do Agreste seguem com todos os leitos vagos.

A fila da regulação contava com cinco pessoas, sendo três pacientes para leitos críticos e dois para clínicos, além de 13 pessoas aguardando transporte sanitário.Foto:Elisa Elsie

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários,e não representam a opinião deste blog.

publicidade