Rio Grande do Norte é parceiro do Projeto Todos pela Saúde - Salomão Medeiros
TCM HD

sexta-feira, 10 de julho de 2020

Rio Grande do Norte é parceiro do Projeto Todos pela Saúde

O Governo do Rio Grande do Norte vem, desde maio, desenvolvendo um conjunto de ações em cooperação com o Projeto Todos pela Saúde, financiado pelo banco Itaú e com apoio técnico do Hospital Sírio-Libanês. 

A iniciativa visa a mitigar os efeitos da pandemia da Covid-19 por meio de ações suplementares, estratégicas e coordenadas em quatro eixos principais: informar, proteger, cuidar e retomar.

Por meio do Centro de Operações de Emergências em Saúde Pública (COE), a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) tem mantido contato sistemático com a equipe regional de especialistas do Todos pela Saúde, que auxilia as ações de enfrentamento à pandemia no RN. Com o objetivo de capacitar as equipes e melhorar os procedimentos gerenciais foram instituídos Gabinetes de Crise em unidades regionais de referência no tratamento da Covid-19.
“A disseminação de práticas inovadoras e o esforço de organização dos fluxos de trabalho têm sido não apenas uma contrapartida do Rio Grande do Norte para o recebimento dos recursos materiais e capacitações do projeto, mas sobretudo têm contribuído para o gerenciamento dos processos críticos, aproximando a gestão hospitalar ao nível central da Sesap e qualificando a tomada de decisões”, explicou o secretário de Saúde do Estado, Cipriano Maia.

Nessa perspectiva, foram ofertadas tutorias (à distância) em gestão de processos na metodologia LEAN, visando ao aperfeiçoamento da resposta hospitalar e à consequente melhoria dos serviços prestados, com resultados já percebidos em unidades como o Hospital Giselda Trigueiro (7ª Região de Saúde) e o Hospital Regional do Seridó – Telecila Freitas Fontes (4ª Região de Saúde). 

O projeto disponibilizou, ainda, um aplicativo para as unidades participantes que permite o monitoramento de indicadores em tempo real, contemplando cinco dimensões. A primeira se refere aos espaços – ocupação dos leitos e fluxos de entrada e saída, a segunda diz respeito a equipamentos – disponibilidade de itens críticos como ventiladores pulmonares e bombas de infusão, a terceira corresponde a EPIs e insumos – acompanhamento dos estoques, a quarta está relacionada à ocupação do quadro de profissionais e a quinta contempla os medicamentos – situação dos estoques.

Até o momento o Projeto Todos Pela Saúde forneceu ao Rio Grande do Norte Equipamentos de proteção individual (EPIs), os quais foram distribuídos em todo o estado pela Unidade Central de Agentes Terapêuticos (Unicat), totalizando 25.800 aventais, 3.600 máscaras N95, 522 máscaras faceshield, 109.000 máscaras cirúrgicas, 17.200 luvas, 4.358 gorros e 1.960 óculos de proteção. 

No que diz respeito a respiradores pulmonares, item crítico no atual contexto pandêmico, duas remessas foram recebidas: a primeira no dia 10 de junho com 10 unidades e a segunda no último dia 7, com mais 15 equipamentos, totalizando 25 – os quais representam um reforço importante para a expansão da rede de assistência Covid-19 nas diversas regiões de saúde do estado. 

Além disso, estão em execução capacitações em gestão do cuidado, buscando atender os profissionais (principalmente equipes de enfermagem) recém-chegados ao serviço assistencial, com foco em: utilização de EPIs, manejo clínico e de equipamentos, cuidado multiprofissional para diminuição de fatores de risco, regulação interna (funcionamento dos Núcleos Internos de Regulação) e alta compartilhada multiprofissional, considerando a relação dos hospitais com outros serviços de saúde e rede intersetorial.

Cipriano reforça ainda que a parceria tem viabiliza a abertura e manutenção de leitos. “Tendo contribuído para qualificar os serviços da rede de atenção à saúde e assistência em Covid-19, potencializando as ações empreendidas pelo Governo do Estado”, ressaltou. 

O projeto tem duração prevista de 3 meses e poderá ser estendido até o final do ano. Outras informações estão disponíveis em portalcovid19.saude.rn.gov.br e no endereço www.todospelasaude.org.Foto:Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários,e não representam a opinião deste blog.

publicidade