Pular para o conteúdo principal

Governo do RN conclui a entrega de 216 mil kits da merenda escolar

Dois milhões de quilos de alimento. Esse é o volume de itens entregues pelo Governo do RN as famílias dos estudantes da rede estadual de ensino. Nesta semana, está sendo concluída a etapa final da distribuição dos kits com gêneros alimentícios da merenda escolar para estudantes que estudam na região metropolitana da capital.

Após percorrer todo o interior do estado, onde foram entregues mais de 161 mil kits, estão sendo entregues 55 mil kits nas escolas estaduais de Natal e Parnamirim. Com isso, a Secretaria de Estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer chega a marca de 216 mil kits, um por estudante, entregues. 
Esta ação, que faz parte do conjunto de medidas adotadas para o enfrentamento à Covid-19, conta com um investimento de R$ 9,8 milhões, oriundos do Programa Nacional de Alimentação Escolar.

Cada kit é composto por produtos que fazem parte da mesa da família potiguar. Feijão, arroz, macarrão, açúcar, flocão de milho são alguns dos itens que compõe as cestas, que terá cerca de 10 kg de alimentos e um preço médio de R$ 46. 

As escolas recebem os kits dos fornecedores e operacionalizam o processo de entrega, que passa pela higienização dos kits e protocolos de entrega que permitam o menor contato possível entre as pessoas. As entregas são acompanhadas pelos gestores escolares e pelas Diretorias Regionais de Educação e Cultura (DIREC) e de Alimentação Escolar (DRAE). Cada família foi avisada pela escola sobre o dia da retirada do kit.

Do valor total investido, 30% foi gasto com itens da agricultura familiar, beneficiando os pequenos agricultores do RN. As compras tiveram produtos específicos em determinadas regiões do RN, observando as cadeias produtivas locais, como, por exemplo, na região Oeste, o arroz vermelho fez parte dos kits, em Natal, o leite em pó.

No Seridó, bebida láctea chegou a mesa dos estudantes. A polpa de frutas que foi ofertada aos alunos, também foi fruto do trabalho de homens e mulheres do campo. Para que a articulação com os agricultores familiares obtivesse êxito, 29 cooperativas da agricultura familiar participaram de todo o processo de compra e venda.

Para que essa entrega fosse possível, a SEEC montou um grupo logístico que articulou a ação com gestores, fornecedores, nutricionistas, além de manter um diálogo com órgãos de controle, como o Conselho de Alimentação Escolar, o Ministério Público e Defensoria Pública. “Essa é a maior operação feita pela Educação do RN. 
Tivemos um primeiro momento, a entrega dos 24 mil kits aos alunos em vulnerabilidade social, para entendermos e aprimorar a logística nas entregas. Agora, por determinação da governadora, elevamos esse número e estamos concluindo a entrega de 216 mil kits, um para cada aluno, dando o apoio necessário às famílias que estão com os alunos em casa”, frisa Getúlio Marques, titular da SEEC.

“Com a compra dos kits, estamos apoiando as empresas do RN, em especial, as pequenas, e acreditamos no cumprimento dos prazos por parte dos fornecedores para cumprir as entregas”, finaliza o secretário. Na próxima semana, serão entregues os kits às escolas que tiveram algum tipo de atraso logístico, conforme previsto no plano de distribuição da SEEC.Foto:Elisa Elsie

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em ato inédito, Governo do RN distribui sementes crioulas para agricultores familiares

Casada, mãe de três filhos, Ana Maria da Silva Gomes, 52, é agricultora, guardiã de sementes, pescadora e cabeleireira da comunidade Assentamento Professor Maurício de Oliveira, na cidade de Assu, região Oeste do Rio Grande do Norte.  Ela representa uma das três mil famílias beneficiadas pelo Programa Estadual de Sementes Crioulas - as sementes da tradição - que pela primeira vez estão sendo doadas pelo governo estadual para agricultores familiares.  A primeira etapa de distribuição, realizada através da Secretaria de Estado da Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Rural (Sedraf), ocorreu nesta sexta-feira (31), no auditório da Ufersa (Universidade Federal Rural do Semiárido), em Mossoró, onde foram entregues sementes de milho, feijão, sorgo, castanha de caju, fava e arroz vermelho. Os tipos de sementes foram definidos pelos próprios agricultores porque são as mais utilizadas pela maioria dos contemplados, cuja tradição é passada de geração a geração. Para execução do

Governo do RN garante cumprimento do piso salarial do magistério

O Governo do Estado, através da governadora professora Fátima Bezerra e do secretário de estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer (SEEC-RN), professor Getúlio Marques, assegura o cumprimento do Piso Nacional do Magistério. Em janeiro de 2020, o Ministério da Educação (MEC) anunciou reajuste de 12,84%. O salário dos profissionais da rede pública da educação básica em início de carreira passará de R$ 2.557,74 para R$ 2.886,24. “Nós continuamos abertos ao diálogo com o sindicato, garantindo não somente o reajuste, como também o pagamento retroativo”, afirmou o secretário. Ele explicou que o percentual proposto pelo MEC está acima da previsão da receita do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação), que financia a rede básica de Educação. Em 2019, o Governo do Estado recebeu R$ 902 milhões e a previsão para este ano é de R$ 926 milhões, ou seja, menos de 3% de aumento. Mesmo diante desse déficit

Claudia Rodrigues sofre convulsão e é encaminhada para a UTI

A  atriz Claudia Rodrigues sofreu uma queda onde acabou tendo uma convulsão na sequência e foi levada para o Hospital Alberto Einstein, em São Paulo, onde acabou sendo internada na Unidade de Terapia Intensiva. De acordo com informações da colunista Fábia Oliveira, do jornal 'O Dia', diagnosticada com esclerose múltipla e com diminuição de parte da massa encefálica, a atriz desenvolveu um edema cerebral, por conta da queda, descoberto pelos médicos nesta quinta-feira (30).  Procurada, a assessoria do hospital confirmou a internação da atriz. Os representantes de Claudia, no entanto, ainda não se pronunciaram oficialmente sobre a nova internação.  No mês de dezembro, a artista foi internada na mesma unidade para tratamento contra a doença degenerativa.Com informações de Notícias Ao Minuto Brasil/Foto:Divulgação