Fundase/RN segue medidas de prevenção à Covid-19 - Salomão Medeiros
TCM HD

sexta-feira, 17 de julho de 2020

Fundase/RN segue medidas de prevenção à Covid-19

Para garantir a segurança e a saúde de servidores e adolescentes do sistema socioeducativo no Rio Grande do Norte durante a pandemia de Covid-19, a Fundase/RN continua seguindo protocolos de prevenção à doença.

As primeiras medidas foram adotadas ainda em março, com publicação da Portaria Nº 029/2020 que normatizou os procedimentos de prevenção, vigilância e controle de infecção humana pelo novo coronavírus nas unidades de atendimento socioeducativas do Rio Grande do Norte.

A portaria trata de procedimentos como reforço à higienização de servidores e adolescentes e suspensão de visitas aos adolescentes em cumprimento de medida.
Também é realizado um trabalho de conscientização de servidores, jovens e famílias a respeito do tema, bem como garantia de ligações telefônicas e videochamadas semanais para o contato familiar.

Estão suspensas atividades que envolvam o público externo, como cursos e assistência religiosa, assegurada também por meio virtual. As chamadas de vídeo também são utilizadas para a realização de audiências judiciais.

Mediante avaliação da equipe técnica, as saídas de adolescente para consultas e exames não emergenciais e consultas eletivas foram restringidas.

Os profissionais do sistema socioeducativo receberam equipamentos de proteção individual – EPI’s, específicos para atuação durante a pandemia, como máscaras, álcool e luvas. Foi ampliada a distribuição nas unidades do material de limpeza: sabão, alvejante e detergente. Alguns dos materiais foram do Programa RN + Inclusivo. 

A Fundase também recebeu doações de EPIs para as unidades de atendimento, por meio de campanhas de solidariedade de diferentes instituições, como Ufersa; Diocese de Mossoró; Amigos do Rotary de Mossoró; Campanha Proteja Crianças e Adolescentes da Covid-19, realizada pelo Obijuv/UFRN. 

Jovens e servidores tiveram acesso à vacina contra a gripe, de acordo com o calendário da Campanha. Os profissionais em exercício de funções passíveis de trabalho remoto e/ou que pertençam a grupos de risco podem ainda solicitar teletrabalho.
Outra medida preventiva adotada pela Fundase foi a de identificar adolescentes com doenças crônicas para monitoramento. Alguns desses tiveram a medida de internação suspensa, sendo acompanhado pela equipe técnica, com visitas domiciliares. 

Em junho e julho, Casep Metropolitano, Casep Seridó, Case Caicó, Case Mossoró e Case Pitimbu passaram por desinfecção, graças à parceria com as Forças Armadas – Comando Conjunto RNPB.

Controle: O adolescente que apresentar sintomas da Covid- 19 deverá receber máscara cirúrgica, ser encaminhado para a unidade básica de saúde ou hospital de referência, conforme protocolos já estabelecidos pela Secretaria de Saúde Público do Estado do RN, e, posteriormente ser conduzido para local reservado pela Fundase/RN para acolhimento.

O Núcleo de Desenvolvimento Humano – NDH/Fundase estabeleceu procedimentos administrativos para orientação e acompanhamento aos servidores diante da necessidade de afastamento do trabalho por suspeita de infecção pelo Covid-19.

Em junho, a Secretaria de Saúde do município de Caicó disponibilizou 30 testes para atender prioritariamente agentes socioeducativos no Case Caicó.

A Fundase solicitou testes da Covid-19 para atender servidores e adolescentes das unidades de atendimento à Secretaria de Estado da Saúde Pública – Sesap. 

Apoio: Equipes técnicas das unidades de atendimento orientaram as famílias atendidas pela Fundase para requerer o Auxílio Emergencial do governo federal para a crise de pandemia do COVID-19.

Por meio de campanhas de doação de alimentos (Campanha Proteja Crianças e Adolescentes da Covid-19 Obijuv/UFRN, assim como iniciativa das equipes das unidades), cestas básicas foram preparadas e entregues às famílias de adolescentes que cumprem medida socioeducativa. A ação foi realizada em todas as unidades de atendimento.

A Fundase está em articulação permanente com a Secretaria de Saúde Pública do Estado do RN, Ministério Público e Poder Judiciário para acompanhamento das medidas adotadas, encaminhamento de possíveis novas demandas e aquisição de novos equipamentos de proteção individual. 

Boletim: Até esta sexta-feira (17), nenhum adolescente que cumpre medida socioeducativa de restrição ou privação de liberdade no RN foi infectado pela Covid-19. 

Entre os servidores, 18 casos foram confirmados, dos quais, dezessete já estão recuperados, de acordo com o acompanhamento do Núcleo de Desenvolvimento Humano da Fundase/RN. Cento e treze servidores estão em regime de teletrabalho.FotoS:Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários,e não representam a opinião deste blog.

publicidade