Suposto namorado de Gugu entra com processo e faz revelações íntimas - Salomão Medeiros
Governo do RN

quinta-feira, 7 de maio de 2020

Suposto namorado de Gugu entra com processo e faz revelações íntimas

O chef de cozinha Thiago Salvático entrou com um processo com o objetivo de que a sua relação com o apresentador Gugu Liberato seja reconhecida como uma união estável homoafetiva, segundo o site Notícias da TV. 

No processo, o chef diz ter namorado com o apresentador durante mais de sete anos, sendo que durante três ambos mantiveram uma vida conjugal.

A publicação garante ter tido acesso ao processo, que conta com mais de 100 páginas, o qual foi protocolado a 9 de abril. Nessas páginas são dados pormenores acerca do relacionamento, desde o dia em que se conheceram (em 2011), até a morte de Gugu (2019).
Os dois teriam se conhecido durante uma viagem de avião em 2011, mas só a partir de fevereiro do ano seguinte é que começaram a se falar, depois de Gugu ter enviado a primeira mensagem. 

A primeira viagem que fizeram juntos foi em maio de 2012, para Milão, Itália, altura em que teriam dado o seu primeiro beijo. Passando alguns dias juntos, voltaram a viajar novamente em novembro de 2013, pelo sul de Itália, ocasião na qual tiveram a primeira relação sexual. 

Ao processo, garante o website, foram anexadas diversas provas, desde comprovativos das viagens que fizeram à volta do mundo - cerca de 40 destinos - assim como mensagens trocadas via WhatsApp.

Um dos momentos mais marcantes do casal teria acontecido em Portugal, mais precisamente em Sintra, a propósito do último aniversário celebrado por Gugu, em 10 de abril. 

Na ocasião o apresentador pediu a um músico que tocasse a canção preferidas dos dois, tema do filme Carruagens de Fogo. 

Salvático afirma ainda que os dois partilhavam os mesmos cartões de crédito e que tinham investimentos juntos. Assim, além do reconhecimento da união estável, a defesa do chef pede uma indenização de 100 mil reais e que os réus (filhos, sobrinhos, irmãos e mãe de Gugu) arquem com as custas judiciais. Com informações de Notícias Ao Minuto/Foto:DR

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários,e não representam a opinião deste blog.

publicidade