Reforma Previdenciária: calculadora simula impacto real para o servidor - Salomão Medeiros
Governo do RN

terça-feira, 4 de fevereiro de 2020

Reforma Previdenciária: calculadora simula impacto real para o servidor

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte lançou, nesta terça-feira (4), um instrumento para servidores estaduais, aposentados e pensionistas avaliarem o real impacto da proposta de reforma previdenciária no contracheque. 

Denominada Previdência Sustentável, a calculadora simula com exatidão o valor que será descontado do pagamento mensal e também a alíquota real aplicada em casos de faixas salariais em que incidem várias alíquotas.

A ferramenta faz parte das estratégias do Governo para dar transparência ao processo de discussão da reforma e deixar o funcionalismo público estadual devidamente esclarecido do real efeito da proposta de reforma da previdência estadual. 
A calculadora facilita o entendimento principalmente nos casos de faixas salariais em que incidem mais de uma alíquota, apontando o percentual efetivo de desconto. Um servidor da ativa que ganha R$ 11 mil, teria a incidência de quatro alíquotas (12%, 14%, 16,5% e 18,5%). A plataforma calcula exatamente o real impacto no contracheque, que, neste exemplo, é de 15%.

Com a ferramenta, além de simular o impacto da proposta de nova contribuição previdenciária nos contracheques dos servidores ativos e inativos, é possível constatar os novos valores de recolhimento do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), que tem sua base de cálculo reduzida como consequência do aumento da contribuição previdenciária. 

Fazendo um cálculo com quem ganha atualmente R$ 3 mil, por exemplo, há uma redução.É recolhido do salário mensal o valor de R$ 57,45 para o imposto de renda. Com a nova contribuição, esse recolhimento é reduzido para R$ 54,45.

A calculadora pode ser acessada através do link (clica em cima de Previdência Sustentável.Foto:Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários,e não representam a opinião deste blog.

publicidade