Funcionário é demitido pela Ambev depois dele fazer comentários homofóbicos em rede social - Salomão Medeiros
TCM HD

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020

Funcionário é demitido pela Ambev depois dele fazer comentários homofóbicos em rede social

Nesta última quarta-feira (12),um funcionário foi demitido pela Ambev depois dele utilizar uma rede social para tecer comentários homofóbicos.

De acordo com a divulgação pela imprensa, o comunicado foi confirmado e chegando ao conhecimento do Departamento de Recursos Humanos da companhia por meio do seu grupo de apoio aos colaboradores LGBTI+.
Ainda conforme informações,o homem demitido teria compartilhado na rede social que não foi informado pela empresa,que uma notícia de um casal homossexual que teria sido impedido de alugar um imóvel no de Rio de Janeiro pela dona da propriedade,por os dois serem um casal de homossexuais.

Na postagem compartilhada em seu perfil pessoal,pelo funcionário demitido,ele que agora é ex-funcionário teria comentado que "não alugaria um lugar seu para homossexuais",e que eles,fazendo referência ao casal de homossexuais "nem são gente,(são) uma raça maldita",na publicação de sua rede social.

A empresa Ambev emitiu uma nota,e na qual afirmou "que não aceita",em hipótese alguma,que pessoas faltem com o respeito ou sejam preconceituosas."Esse comportamento não é tolerado por nós.O funcionário já não faz parte da companhia.Reforçamos que sempre apoiaremos o respeito e todas as formas de amor",diz a nota da Ambev.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários,e não representam a opinião deste blog.

publicidade