Calendário de eventos agropecuários 2019 é lançado pelo governo do RN - Salomão Medeiros
publicidade

quinta-feira, 21 de março de 2019

Calendário de eventos agropecuários 2019 é lançado pelo governo do RN

Na última terça-feira (19),o governo do Rio Grande do Norte lançou o Circuito Estadual de Exposições Agropecuárias 2019 e, durante solenidade, empossou a nova diretoria da Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn). O evento foi realizado na sede da Emparn em Parnamirim.

No total, o calendário apresenta datas para 15 feiras agropecuárias em todas as regiões do Estado abrangendo os municípios de: São Paulo do Potengi, Currais Novos, Lagoa Nova, Caicó, Coronel Ezequiel, Afonso Bezerra, Jardim do Seridó, Caraúbas, Assú, Mossoró, Lajes, São José de Mipibu, Parnamirim, Goianinha e Natal. Para a realização de sete eventos, está assegurado o investimento de R$ 800 mil do Programa Governo Cidadão, viabilizado pelo Banco Mundial.
A governadora Fátima Bezerra enfatizou a importância do calendário ao dizer que a promoção desses eventos reafirma o compromisso do Governo com o produtor rural. 

“Mesmo com o decreto de calamidade financeira fiscal do Estado, entendemos que as feiras agropecuárias são muito importantes porque geram renda e movimentam a economia do estado além de contribuir para o intercâmbio de negócios e conhecimento entre os produtores potiguares e de estados vizinhos”, destacou ao afirmar que há muito o que ser feito pelos agropecuaristas potiguares.

O circuito terá início no dia 11 de abril, com a realização da 22ª ExpoPotengi, em São Paulo do Potengi, e término no dia 15 de novembro, com a realização da 16ª Feira Nacional do Camarão – Fenacam, no Centro de Convenções de Natal. “Quem reside no interior sabe a verdadeira importância de eventos deste tipo não só para o município como para a região”, destacou o prefeito de São Paulo do Potengi e presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn), José Leonardo Cassimiro de Araújo (Naldinho).

Representando a Assembleia Legislativa, a deputada Isolda Dantas lembrou as parcerias com as universidades, Ufersa e Uern, que podem contribuir de forma decisiva para o sucesso do RN que passa pelo setor agropecuário do estado. “A Emparn, sei que já faz, mas precisa ampliar o seu olhar para a agricultura familiar. 

Agricultura, agronegócio e agricultura familiar, são setores que podem ser muito fortes se caminharem juntos. A agricultura familiar representa hoje 70% do que nos alimentamos. É um setor que não apenas produz alimentos como também emprego e qualidade de vida.”Foto:Ivanízio Ramos/ASSECOM/RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários.

Redes Sociais

Siga para ficar mais próximo do blog.

Recentes

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *