Governador Robinson Faria destaca prioridade ao turismo em reunião de conselheiros do setor - Salomão Medeiros

TCM Internet e TV

publicidade

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Governador Robinson Faria destaca prioridade ao turismo em reunião de conselheiros do setor

A 64ª reunião do Conselho Estadual de Turismo (Conetur) foi brindada com a presença do governador Robinson Faria. Na pauta, a apresentação do planejamento da Secretaria de Estado do Turismo do RN e da Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur) para 2018. 

Também foi apresentado o resultado da pesquisa encomendada pela Fecomércio para medir o perfil e o nível de satisfação do turista que visita o Estado potiguar.

“Desde o início desta gestão priorizamos o turismo por reconhecer a capilaridade deste setor à economia do Estado. Promovi ações há muito pleiteadas pelo trade turístico, como a desoneração do querosene de aviação. Fui o primeiro chefe de estado presente em uma das mais importantes feiras nacionais, em São Paulo, além da presença, também, em eventos internacionais. E ainda o apoio a campanhas de marketing e obras estruturantes. O resultado tem sido comprovado em números incontestáveis”, comentou o governador.
O titular da pasta estadual de Turismo, Ruy Gaspar, apresentou o calendário de eventos já confirmados para este ano. Ao total são 31 feiras, entre locais, nacionais e internacionais–número maior do que os 27 de 2018, ano com maior participação do Rio Grande do Norte em eventos turísticos nos últimos 10 anos. Os eventos contam com empréstimo do Banco Mundial, por intermédio do Governo Cidadão e apoio da Embratur.

Ruy Gaspar destacou também os últimos números divulgados pela superintendência regional da Polícia Federal, que registrou aumento de 69% de turistas estrangeiros no RN, no último mês de janeiro, se comparado ao mesmo período de 2017. “Esse dado só corrobora os números apresentados pela Fecomércio ou do fluxo turístico da Inframérica em nosso Aeroporto e todos mostram o crescimento do nosso turismo, apesar das adversidades”.

Divulgação-Além da participação em feiras, o secretário também discriminou o investimento de R$ 4 milhões com recursos do Governo Cidadão para divulgação e marketing neste ano. Os recursos incluem divulgação em mídias especializadas com circulação nacional e internacional, confecção e novo material gráfico de promoção, aquisição de imagens e vídeo institucional do Estado, aquisição de peças artesanais, e material agrícola, bolsas e card drivers para brindes nas feiras.

Ainda dentro deste montante está o projeto de implantação da sinalização turística dos polos Seridó, Casta Branca, Serrano e Agreste/Trairi; projeto de Dinamização e Sustentabilidade dos municípios de Serra de São Bento, Passa e Fica e Monte das Gameleiras; e o projeto de implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário em São Miguel do Gostoso.

Pesquisa-A pesquisa encomendada pela Federação do Comércio do RN foi executada pelo Instituto de Pesquisas e Desenvolvimento do Comércio. A coleta de dados foi realizada entre os dias 17 e 29 de janeiro de 2018. Foram ouvidas 841 turistas no Aeroporto de São Gonçalo, terminal rodoviário e pontos de fluxo turístico, como hotéis, pousadas, feiras de artesanato e atrativos turísticos. A margem de erro foi de 4%.

Segundo a pesquisa, o perfil do turista que visita o Estado potiguar é de maioria masculina, entre 25 e 44 anos, que viaja em família, possui renda mensal entre R$ 3 mil e R$ 6 mil e que programou a viagem três meses antes. Praticamente todos eles ou 94% buscam sol e praia. Entre os turistas brasileiros, o gasto médio foi de R$ 308 ao dia, e o estrangeiro, R$ 343.

Um dos dados mais comemorados foi o percentual de 98% de satisfação do turista e o de 99,8% de indicação que pretendem voltar. Entre os itens mais bem avaliados, estão a hospitalidade do povo potiguar, seguido dos atrativos naturais e do serviço das empresas de receptivos. Os locais mais visitados foram o Morro do Careca, em Ponta Negra, seguido de Pipa e Jenipabu.

E se os dados da Polícia Federal, referentes a janeiro, mostraram que 47,78% dos turistas estrangeiros que visitaram o RN são argentinos, a pesquisa da Fecomércio atesta que esse crescimento, nos últimos três anos, passou de 1,5%, em 2015 para 25,9% em 2018 de argentinos no Estado potiguar. A argentina foi o país com maior investimento em campanhas de divulgação pelo Turismo potiguar nos últimos anos.Foto:Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários.

Redes Sociais

Siga para ficar mais próximo do blog.

Recentes

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *