Gestores de Saúde do RN recebem prefeito Jaime Calado para debater sobre erradicação do Aedes aegypti - Salomão Medeiros
publicidade

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Gestores de Saúde do RN recebem prefeito Jaime Calado para debater sobre erradicação do Aedes aegypti


O prefeito de São Gonçalo do Amarante e médico sanitarista, Jaime Calado, foi convidado para conversar com os gestores municipais de saúde do Estado sobre prevenção e combate do mosquito Aedes aegypti em reunião do Conselho de Secretárias Municipais de Saúde (Cosems), no Hotel Praia Mar, na manhã desta terça-feira (23). O secretário municipal de Saúde, Jalmir Simões também esteve presente ao evento.


Durante a gestão do então ministro da Saúde, o saudoso Adib Jatene, em 1995, Jaime contribuiu para elaboração, junto a uma equipe do órgão, de um plano de erradicação do mosquito que vem tirando o sono de muitas famílias na atualidade e trazendo transtornos para a sociedade brasileira. O gestor ainda é pós-graduado em saúde pública e administração hospitalar, além de ter dirigido a Fundação Nacional de Saúde (Funasa).


No evento, Jaime falou sobre a necessidade de atualizar e efetivar o plano de erradicação e como é possível exterminar o mosquito. “Vocês estão mais atualizados que eu em certos aspectos, mas tem umas coisas que não mudam. O mosquito é conhecido há muitos anos e já foi erradicado duas vezes aqui no Brasil.


O controle não funciona, o que realmente é eficaz é o extermínio do mosquito. Já disse outras vezes e continuo insistindo: A informação é mais eficaz que o inseticida. O inseticida tem validade, a informação não. O plano que tem lá no Ministério da Saúde, uma vez atualizado ajudaria muito, e pelo que eu conheço do assunto, conseguiríamos erradicar esse mosquito mais uma vez. 
PrefeitoJaime Calado durante reunião do Cosems-RN
O estudo foi bem feito, se atualizar dá certo. Isso precisa de investimento e tem que partir do governo federal, afinal, esse mosquito afeta todos os estados. Agora, precisa muito da contribuição da população fazendo a sua parte. Enquanto a população não entender os riscos, que o mosquito pode matar seus familiares, amigos e conhecidos, não vai resolver. Temos que envolver todos; município, estado e federação. A responsabilidade é de todos” enfatizou o prefeito Jaime Calado, na condição de médico sanitarista.

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Coordenadoria de Vigilância em Saúde, desenvolve projetos de educação e mobilização social para evitar doenças como a Dengue, Chikungunya e Zika. Além do trabalho de borrifação, executado por técnicos do setor de combate as endemias, o Setor de Educação e Saúde promove juntamente com a Secretaria Municipal de Educação e a rede de supermercados Nordestão, chamado de “A Gente Contra a Dengue”, um projeto de orientação de estudantes para os tornarem multiplicadores da prevenção.


O município ainda realiza mutirões de serviços comunitários com envolvimento das Secretarias de Serviços Urbanos, Comunicação e Eventos, SAAE e Departamento Municipal de Trânsito, e mobilização de alunos da rede pública municipal com distribuição de panfletos, cartazes e folders com dicas sobre a prevenção do mosquito Aedes aegypti.Foto: Isaías Carlos/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários.

Redes Sociais

Siga para ficar mais próximo do blog.

Recentes

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *