Corpos são armazenados em banheiros de hospitais no Equador, relata profissional da saúde - Salomão Medeiros
TCM HD

segunda-feira, 27 de abril de 2020

Corpos são armazenados em banheiros de hospitais no Equador, relata profissional da saúde

Lidando com uma pandemia sem precedentes nos tempos recentes, os sistemas de saúde de diversos países arriscam ficar à beira do colapso completo.

Nos países menos desenvolvidos este impacto é sentido com mais força, sendo que muitas vezes há relatos de abandono, inclusivamente, de corpos na via pública.

Um relato semelhante foi feito à agência AFP por um profissional de saúde de um hospital em Guayaquil, no Equador, onde por falta de espaço nos necrotérios os corpos dos falecidos por Covid-19 já são armazenados em banheiros.
Segundo o explicado por este profissional, não tendo outra forma de guardar os corpos, estes são envolvidos em lençóis, esperando depois uma oportunidade para serem então autopsiados e alvo de cerimônias fúnebres.

"Os doentes estão sozinhos, deprimidos, a medicação causa-lhes danos gastrointestinais, eles sentem-se mal e temem quando veem que o paciente ao lado começa a ter falta de ar e a gritar que precisa de oxigênio", explicou à referida agência este médico.

"A equipa de necrotério não estava dando conta [do número de óbitos] e o que nos restou fazer, muitas vezes, foi cobrir os corpos e acumulá-los nos banheiros", explicou este enfermeiro de 35 anos.

"Todos fugiram. A equipe administrativa colocou-se num local seguro. Os psicólogos que deveriam estar a trabalhar fugiram (...), os 32 dentistas que deveriam estar ajudando (...) fazendo os registros também...", terminou.

Relembre-se que o Equador tem oficialmente 22.700 infectados, desde 29 de fevereiro, a grande parte em Guayaquil.Com informações de Notícias Ao Minuto/Foto:DR

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários,e não representam a opinião deste blog.

publicidade