“Acredito muito em Deus que serei o primeiro Gari Deputado Federal do Brasil”, afirma vice-prefeito José Pedro - Salomão Medeiros

domingo, 24 de junho de 2018

“Acredito muito em Deus que serei o primeiro Gari Deputado Federal do Brasil”, afirma vice-prefeito José Pedro

Há menos de um mês quando foi divulgada uma pesquisa pelo Instituto Seta, e aparecendo com 0,2% das intenções de votos, o vice-prefeito de Jurucutu,região do Seridó no estado do Rio Grande do Norte,o pré-candidato a Deputado Federal,o gari José Pedro(Solidariedade) não tem escondido a sua satisfação de poder tornar-se o primeiro gari Deputado Federal do Brasil. 

Na pesquisa divulgada pelo Instituto Seta, das oito vagas para deputado federal na Câmara dos Deputados, esteve na terceira colocação. 

Para analistas políticos, o nome do gari José Pedro poderá surpreender a velha classe política das terras potiguares com chances reais dele ser eleito Deputado Federal. 
Pré-candidato a Deputado Federal,o gari vice-prefeito de Jucurutu,José Pedro é um nome novato
Em 2014 dos oito deputados federais eleitos, seis deles eram “herdeiros” de políticos tradicionais no estado do Rio Grande do Norte. 

“Primeiramente acredito muito em Deus e segundo no povo do meu estado do Rio Grande do Norte que irão me conduzir a Câmara dos Deputados lá em Brasília como o primeiro gari Deputado Federal do Brasil”, disse o vice-prefeito,o gari José Pedro de Jucurutu. 

Nesse mais de quatro anos, o eleitorado potiguar tem acompanhado a “atuação” dos representantes na Câmara dos Deputados e dos últimos dois anos,quando esteve em votação projetos de interesses da classe trabalhadora para ser votado,especialmente quando se tratava dos direitos trabalhistas e previdenciários da população do Brasil e do Rio Grande do Norte, o povo viu-se sem seus “representantes”. 

Da saturação vivida entre os velhos que dominam a cena política no território potiguar há décadas e elegendo-se sucessivamente seus “herdeiros”, vê-se luz no fim do tudo, mediante ao total descrédito da classe política, principalmente entre os poderes da Assembleia Legislativa do Estado do Rio Grande do Norte e Congresso Nacional.Foto:Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deste blog estão sujeitos a moderação e não serão publicados: comentário com ofensa pessoal, racismo, bullying ou desrespeito a opinião dos outros e/ou ofensas a outros comentários.

Redes Sociais

Siga para ficar mais próximo do blog.

Recentes

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *