Nas Redes

Mãe de adolescente torturado e tatuado na testa faz desabafo “Meu filho não é bicho”

A mãe do adolescente que teve as palavras "ladrão e vacilão" taduadas na testa falou sobre o caso. Ela disse que não conseguiu assistir ao vídeo em que o filho aparece sendo torturado.

"Quando eu recebi o vídeo eu não consegui assistir. Eu vi a foto e isso acabou comigo, acabou com a família. Como ele vai sair por aí? Ele é vítima da sociedade."

O menor estava desaparecido desde o dia 31 de maio e foi encontrado após o tatuador Maycon Wesley Carvalho dos Reis, 27 anos, e o vizinho dele, Ronildo Moreira de Araújo, 29 anos, marcarem a pele da vítima e filmarem a ação. O vídeo rapidamente foi parar nas redes sociais e em grupos de conversas no WhatsApp.
Ambos foram presos, na última sexta-feira (9), suspeitos de tortura, no ABC Paulista. Já a mãe da vítima, a auxiliar de limpeza Vania Rocha, está revoltada com a crueldade com que seu filho foi tratado. "Meu filho não é boi, não é animal. Ele não é bicho."

Segundo informações do portal G1, ela está preocupada com a recuperação do filho. "A gente precisa tirar isso do rosto dele porque ele não é bicho. Muita gente está julgando ele, mas ninguém conhece a história dele. A única coisa que a gente quer é Justiça."

A mãe espera conseguir tratar a dependência química do filho. "Ele precisa de ajuda, de tratamento, a gente não tem condições de pagar, a gente é pobre. Eu sou auxiliar de limpeza e estou desempregada. Eu estou acabada, ele pode ser o que for, mas o ser humano não tem direito de fazer isso. Ele é uma criança, ele é doente, não precisa de críticas, precisa de ajuda, de tratamento."Notícias Ao Minuto/Foto:Reprodução

farol marcas e patentes

Comentários

Os Comentários publicados, são de inteira responsabilidade de quem está comentando por perfil no facebook, não representa o autor nem o blog, isenta totalmente a opinião do autor deste Blog.

Instagram