Nas Redes

PF deflagrou operação “História de Pescador” na Câmara dos Deputados e recolheu documentos

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta (23) a segunda fase da operação "História de Pescador", com o objetivo de desarticular organização criminosa envolvida em supostas ações de estelionato na Superintendência da Pesca no Estado do Pará, que era ligado ao extinto Ministério da Pesca.

A PF cumpriu buscas em um gabinete na Câmara dos Deputados. De acordo com o presidente da Casa, Rodrigo Maia, o alvo era uma mulher que ocupa um "cargo de natureza especial", um dos cargos em comissão da Câmara.

Ele confirmou que a PF apreendeu papéis, tablets e computador. Maia não soube informar a qual gabinete a funcionaria é vinculada.
A primeira fase da operação apurou irregularidades nos cadastros de 5.100 pescadores entre fevereiro e março de 2016.

A PF cumpre sete mandados de busca e apreensão e três mandados de condução coercitiva, que foram expedidos pela 4.° da Vara da Seção Judiciária Federal em Belém.

A primeira fase da operação foi concluída em 18 de maio de 2016 e teve como objetivo "aferir a regularidade administrativa das inclusões, alterações e supressões promovidas no período de 15/02/2016 a 14/03/2016, no sistema informatizado do registro geral da Atividade Pesqueira e em outros sistemas correlatos", informa a PF em nota.

Segundo os investigadores, cinco pessoas, "em tese sem vínculo no órgão" teriam efetuado quase 5.100 inclusões de cadastro de pescadores no sistema informatizado do Ministério da Pesca.

O número é considerado elevado para a rotina da administração pública e "grande parcela desses cadastrados não possuíam a qualificação necessária para obter o seguro defeso e estimava-se que a fraude teria movimentado cerca de R$ 10 milhões", informa a PF. Com informações da Folhapress/Foto: Reuters

farol marcas e patentes

Comentários

Os Comentários publicados, são de inteira responsabilidade de quem está comentando por perfil no facebook, não representa o autor nem o blog, isenta totalmente a opinião do autor deste Blog.

Instagram