Nas Redes

Ator Chay Suede dispara em entrevista e diz que Dilma foi vítima de golpe

Acabando de estrear como protagonista da novela 'Novo Mundo', na Globo, o ator Chay Suede decidiu comentar detalhes sobre a careira e também sobre o atual cenário político brasileiro. Para o galã, o impeachment da presidente Dilma foi golpe.

Em entrevista ao jornal 'Folha de S. Paulo, Chay disse que não sonhava ser ator: “Desde moleque eu queria fazer cinema, tanto que fiz vestibular para isso. Depois que comecei a interpretar, demorei um tempo a gostar de ser ator. 
Durante “Rebelde” eu não sentia essa paixão, quando acabou eu tinha praticamente desistido [de atuar], queria fazer música, tanto que fui para São Paulo. Mas aí me chamaram para fazer coisas, estava precisando muito de grana, a música não estava me dando, eu fui fazer. E fui descobrindo o mundo mágico e maravilhoso da dramaturgia, que me fisgou para sempre. Hoje eu sou ator, respiro isso.”, comentou.

Durante o bate-papo, o ator fez questão de comentar sua posição política: "Eu não sou muito ativo politicamente. Votei no Freixo nas últimas eleições [para a Prefeitura do Rio]. Não votaria no Crivella em hipótese alguma, não concordo com nada que ele diz ou tenha feito. E o Freixo, apesar de eu não o conhecer profundamente, me parece um sujeito mais bem intencionado, com propostas mais claras e, principalmente, mais abrangentes, que incluem mais pessoas", disse.

Na sequência, Suede foi questionado se votou na Dilma. “Nos dois turnos”, completou. Além disso, foi questionado se a presidente foi vítima de golpe. “Cara, foi golpe, né? Não para mim, foi golpe com certeza. Isso é muito claro.”, disse.Notícias Ao Minuto/Foto:Showbiz 

farol marcas e patentes

Comentários

Os Comentários publicados, são de inteira responsabilidade de quem está comentando por perfil no facebook, não representa o autor nem o blog, isenta totalmente a opinião do autor deste Blog.

Instagram