Nas Redes

“Nada vai me tirar de perto do povo do Brasil”, afirma Lula em comício no estado do Ceará

Cumprindo agenda política ontem no estado do Ceará,quando esteve passando pelas cidades de Barbalha,Crato e Iguatu,o ex-presidente do Brasil,Lula foi enfático ao afirmar “Estamos vivendo um momento difícil.  A minha geração ajudou a conquistar a democracia no Brasil a partir de 1985. E eu jamais imaginei que a gente fosse voltar a ter um presidente da República que não fosse eleito pelo Povo brasileiro”, lamentou ele.

“É verdade que a gente não teve um golpe militar. Foi um golpe parlamentar. Um grupo de deputados chefiados pelo presidente da Câmara resolveu criminalizar nossa presidenta e resolveu mandar o Senado cassar ela. E o vice – que não gosta de ser chamado de golpista – assumiu a presidência. Eles pegaram os votos de vocês e jogaram na lata do lixo. E a democracia foi mortalmente ferida”, disse.
 “Não pensem que nada nesse mundo vai me tirar de perto do povo do Brasil”, afirmou Lula em comício no estado do Ceará
O ex-presidente afirmou que o golpe tinha como intenção manter ele longe da corrida eleitoral. ”Cada eleição é hora de inventar uma história. Eles agora querem acabar com o PT. Eles precisam destruir o PT”, disse aos milhares de presentes, que assistiram ao discurso sob um calor de 41º.

Estou triste, porque eu vivi o momento histórico desse país em que a gente podia dizer a qualquer presidente do mundo que o pobre deixou de ser problema e virou solução.

“Estou triste, porque eu vivi o momento histórico desse país em que a gente podia dizer a qualquer presidente do mundo que o pobre deixou de ser problema e virou solução. Provei ao mundo e aos economistas que se quiserem salvar o país, lembre-se dos milhões que têm que estar no orçamento e ficam esquecidas”.

Lula contou que, em suas viagens pelo Brasil, muita gente diz a ele: “Lula, sou o primeiro da minha família a virar doutor; o primeiro a ir para a universidade”. E ele diz: “Veja a coincidência. Eu fui o primeiro da minha família a ter um diploma primário e me formar torneiro mecânico”.

“E eu olho na cara de cara um e digo: se acharem um Real na minha vida, que não for meu, eu não serei mais nada nessa vida”, afirmou. O ex-presidente reclamou do tratamento dispensado a ele por alguns dos integrantes da Lava Jato: “Eu estou ofendido e magoado. Ofendido porque eu nunca imaginei que aos 71 anos de idade, teria a vida cutucada por uns meninos do MPF”.

Lula avaliou que a perseguição de parte da imprensa e das autoridades se deve ao temor de que ele se candidate nas próximas eleições presidenciais: “Além de afastar Dilma, eles sabiam que tinham que ‘cuidar’ do Lula. 

‘Se esse Lula se mete a ser candidato de novo, vai ser ruim pra nós'”. Mas deixou uma mensagem à militância: “Desde 2005 esse partido apanha de uma parte nojenta da imprensa. Fiquem tranquilos, a história vai julgar cada um de nós” “Não pensem que nada nesse mundo vai me tirar de perto do povo do Brasil”, finalizou o ex-presidente Lula. PT/Foto: Ricardo Stuckert/Divulgação

farol marcas e patentes

Comentários

Os Comentários publicados, são de inteira responsabilidade de quem está comentando por perfil no facebook, não representa o autor nem o blog, isenta totalmente a opinião do autor deste Blog.

Instagram