Nas Redes

Criação da Academia São-gonçalense de Letras é definida após reunião com o Prefeito Jaime Calado

O prefeito de São Gonçalo do Amarante, Jaime Calado, recebeu no Gabinete Civil na tarde de ontem (25) o padre Antônio Murilo, o professor Abel Soares, além do jornalista Paulo Macedo para mais um encontro com o objetivo de tratar da criação da Academia São-gonçalense de Letras (ASL). 

A criação da academia conta com a colaboração do jornalista Paulo Macedo, que também é membro da Academia Norte-rio-grandense de Letras e traz o conhecimento do regimento e ritual da Academia Brasileira de Letras, do padre Antônio Murilo com quatro livros lançados e escolhido o primeiro presidente da ASL. O professor Abel Soares será um dos coordenadores do processo de montagem.
Prefeito Jaime Calado discutindo a criação da academia em reunião
Inicialmente, serão levantados os nomes de pessoas nascidas no município ou que tiverem comprovadamente serviços prestados na área da literatura e cultura de São Gonçalo e que vão ocupar as cadeiras de imortais e ainda os referidos patronos.    A Academia São-gonçalense de Letras funcionará provisoriamente no Museu Municipal.

“Desde o primeiro ano da nossa gestão que incentivamos a produção literária de São Gonçalo apoiando o lançamento de livros. Com a criação da Academia São-gonçalense de Letras vamos fortalecer e fomentar a literatura, uma arte que deixa o registro da história, dos costumes e do saber para outras gerações”, enfatizou o prefeito Jaime Calado. Foto: Targino Filho/Divulgação

farol marcas e patentes

Comentários

Os Comentários publicados, são de inteira responsabilidade de quem está comentando por perfil no facebook, não representa o autor nem o blog, isenta totalmente a opinião do autor deste Blog.

Instagram